Google+ Followers

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Entrega de Certificados em Cachoeirinha -PHOTO DA LATA






O PROJETO PHOTO DA LATA REALIZA MAIS UMA ETAPA DAS OFICINAS DESENVOLVIDAS DESDE 1997.
Com a entrega dos certificados e cartilhas para 20 adolescentes da Escola Municipal de Ensino Fundamental Getúlio Vargas, em Cachoeirinha, na Região Metropolitana de Porto Alegre, foi concluída a segunda etapa do projeto do Instituto Luz Reveladora. A iniciativa participa da terceira edição da Rede Parceria Social.

Em Cachoeirinha, as atividades iniciaram no dia 23 de novembro, durante a Mostra Científica de Trabalhos Escolares, promovida pela Secretaria Municipal de Educação, no CTG Rancho da Saudade. Na ocasião, representantes da Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN), uma das empresas âncoras da Rede Parceria Social, da Secretaria de Justiça e Desenvolvimento Social (SJDS), do Governo do Estado do Rio Grande do Sul, realizaram palestra sobre a gestão da água e a importância de utilizar esse recurso natural de forma responsável.

A segunda etapa das oficinas de fotografia pinhole (o “buraco da agulha”), concluídas no dia 7 de dezembro, foram dirigidas a estudantes de 13 a 18 anos. Em 40 horas/aula, os adolescentes receberam noções de história da fotografia, princípios básicos da ótica, técnicas de enquadramento de imagens, revelação e cópia em laboratório, além de noções de iluminação e utilização de câmeras tradicionais e digitais. A oficina, por meio de abordagem prática, incentiva o uso de materiais reciclados (latas e caixas de fósforos são transformadas em câmeras), e busca educar a sensibilidade e o olhar dos jovens para a realidade socioambiental das comunidades em que vivem.

O projeto iniciou em novembro, em Alvorada, também na Grande Porto Alegre, com oficinas voltadas à capacitação fotográfica de jovens e adultos dependentes químicos atendidos pelo Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas (CAPS-AD) daquele município.

Na aplicação da técnica pinhole, uma simples lata com um minúsculo furo de agulha se torna uma câmera que, sem utilização de lentes, deixa a luz penetrar na câmara escura, sensibiliza o filme ou papel virgem, e vai desenhando a fotografia de forma artesanal.

Intercâmbio cultural

Na última segunda-feira (6/12), o respeitado fotógrafo e artista visual francês Olivier Perrot, pela primeira vez no Brasil, ministrou workshop sobre composição fotográfica para os alunos da Oficina Photo da Lata, na Escola Municipal Getúlio Vargas, em Cachoeirinha.

Em sua concepção, a Rede Parceria Social segue o princípio básico de que o desenvolvimento social deve resultar da atuação integrada e sinérgica do poder público (federal, estadual e municipal), da iniciativa privada e das organizações do terceiro setor. Desta forma, financia projetos sociais em comunidades, com base em critérios técnicos e seleção pública; capacita lideranças e gestores sociais; acompanha a execução dos projetos, monitora, avalia e publica resultados. Além disso, trata de gerar novas tecnologias de trabalho em rede para os municípios gaúchos.

Ainda com o apoio da CORSAN, a terceira e última etapa das oficinas do projeto Photo da Lata, sob coordenação técnica do fotojornalista Jorge Aguiar, será desenvolvida em março de 2011, no município de Canoas, na Região Metropolitana da capital dos gaúchos.

11/12/2010

Fonte: ViaPolítica


ViaPolítica apóia a divulgação do Projeto Photo da Lata. Leia mais:
“Photo da Lata, olhar solidário”
“Na periferia de Paris”
“Foto da Lata, luz reveladora”
“Com os olhos no fio da navalha”

Nenhum comentário: